Limoeiro
+17...+28° C

Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5

Style2

Armando se reúne com lideranças de 20 municípios do Agreste Meridional

Concluindo a passagem pelo Agreste Meridional na sexta-feira (5), a principal voz da oposição do Estado, o senador Armando Monteiro (PTB), reuniu-se em Garanhuns com lideranças de 20 municípios. O encontro, que teve como anfitrião o prefeito Izaías Régis (PTB), contou com a presença de cerca de 100 pessoas, entre prefeitos, ex-prefeitos e vereadores e demais forças políticas da região. Nas conversas, Armando escutou o clamor da região por mais atenção do governo e discutiu a necessidade de começar a construir os alicerces para um novo projeto em Pernambuco.

Armando destacou que o projeto do PSB em Pernambuco está esgotado. “Esse projeto não tem presente porque esse governo é ruim, não fez as entregas e não corresponde minimamente àquilo que a população de Pernambuco espera. E já não nos aponta para o futuro porque não há uma liderança inspiradora", afirmou Armando Monteiro.

Armando enfatizou que a realidade atual no Estado impõe a necessidade de se pavimentar um projeto alternativo, que apresente novas propostas e traga de volta a esperança para a população de Pernambuco. 

“Esse é um novo tempo. E eu quero ajudar Pernambuco a inventar esse novo tempo, que será certamente algo diferente dessa realidade que a gente vive. Todos nós temos a obrigação de construir em Pernambuco um novo tempo, um novo projeto, trazendo novas propostas e uma nova esperança. Eu tenho esse compromisso”, reafirmou o senador. 

Ao final do encontro, Armando destacou o apreço e a gratidão que tem pelo Agreste, por apoio que sempre recebeu da região ao longo de sua trajetória. "Essa região me acolheu e sou devedor do Agreste. Se algum dia eu tiver em Pernambuco uma posição de maior força e poder eu jamais esquecerei essa região. Vou devolver com juros e correção tudo o que recebi na minha vida em todas as horas, o carinho que recebo nas ruas e o estímulo das lideranças", assinalou.

Além das diversas forças políticas da região, também participaram do encontro os deputados federais Silvio Costa (PTdoB) e Zeca Cavalcanti (PTB), os deputados estaduais Silvio Costa Filho (PRB), Álvaro Porto (PSD) e Júlio Cavalcanti (PTB), os prefeitos de Caetés e de Canhotinho, Armando Duarte (PTB) e Felipe Porto (PSD), respectivamente, e demais autoridades do Agreste Meridional.

Foto: Edméa Ubirajara

Deputado propõe criação de Frente Parlamentar de Perenização do Rio Capibaribe

Conhecedor das dificuldades hídricas que o Agreste Setentrional pernambucano enfrenta, o deputado estadual José Humberto (PTB), propôs, nesta semana, a criação da Frente Parlamentar de Perenização do Rio Capibaribe.

Para o parlamentar, a ideia surgiu em consequência da relevância que o assunto possui para a população dos municípios que compõem a bacia do Capibaribe. “A proposta tem por objetivo iniciar levantamentos técnicos para identificar a viabilidade da transferência de parte das águas do eixo leste da transposição do Rio São Francisco para a bacia do Capibaribe, medida que sem dúvida contribuirá para a normalização do abastecimento de água nos municípios da região”, disse.

José Humberto defendeu a instalação da Frente Parlamentar como sendo algo “justo e oportuno”, pois promoverá um debate bastante pertinente entre a sociedade civil organizada e representantes governamentais sobre uma alternativa para atender a uma demanda antiga do Agreste Setentrional, que é abastecimento regular de água.

O requerimento para a criação do grupo recebeu o apoio de 21 parlamentares. Encaminhado nesta quinta-feira (11) para a Mesa Diretora, deverá ser votado já na próxima semana, necessitando apenas a aprovação da maioria absoluta dos parlamentares para que seja criado.




Com informações da assessoria de comunicação

Paixão de Cristo de Nova Jerusalém realiza pré-estreia para convidados

Foto: Wilker Mattos | Limoeiro em Foco
Nesta sexta-feira (7) foi realizada a pré-estreia da temporada 2017 da Paixão de Cristo em Fazenda Nova, distrito de Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco. A encenação dos últimos dias de Jesus Cristo na terra no teatro de Nova Jerusalém foi para autoridades e convidados.

O governador Paulo Câmara esteve com uma comitiva de políticos, secretários e os ministros da Cultura, Roberto Freire e Cidades, Bruno Araújo, que participaram do espetáculo. Antes da encenação, houve a inauguração de dois monumentos alusivos aos 50 anos do evento, comemorados em 2017.

Filho do idealizador do maior teatro ao ar livre do mundo, Robinson Pacheco destacou a importância histórica do espetáculo. Ele leu uma carta e fez referência aos pais e criadores da Paixão, Plínio Pacheco e Diva Pacheco. "Para todos nós que fazemos a sociedade teatral de Fazenda Nova, nesses 50 anos, é motivo de muita honra e felicidade, já que no Brasil é difícil um evento completar esse tempo todo e sabemos da importância desse espetáculo. Do ponto histórico, cultural e econômico. A Paixão de Cristo comemora esse aniversário e nos deixa muitos felizes", disse.

Para marcar as comemorações do jubileu de ouro, a Sociedade Teatral de Fazendo Nova introduziu novas cenas, renovou figurinos e apresentou um elenco de artistas convidados com nomes de destaque no cenário nacional: Rômulo Arantes Neto (Jesus), Letícia Birkheuer (Maria), Joaquim Lopes (Pilatos), Aline Riscado (Herodíades), Adriana Birolli (Madalena), Raphael Vianna (Herodes) e Jesus Luz (Apóstolo João).

O governador Paulo Câmara destacou o momento difícil do Brasil e como o espetáculo representa um símbolo para Pernambuco. "Esse espetáculo mostra a identidade de uma região de Pernambuco que nos orgulha muito. Pessoas de todos os locais do país e mundo vêm para se emocionar aqui em Fazenda Nova e isso nos deixa orgulhosos", destacou.
Já assistido por cerca de 3,8 milhões de pessoas, a encenação é uma das principais atrações turísticas do Brasil na Semana Santa. Todos os anos, o espetáculo atrai, por dia, uma média de 7 mil expectadores que acompanham a encenação como se fossem o povo de Jerusalém que acompanhava o desenrolar dos acontecimentos dos últimos dias de Jesus. São pessoas de todas as idades, vindas de vários estados do Brasil e do exterior.

Micose que provoca morte de gatos atinge humanos

Uma doença que atinge os gatos e pode ser transmitida aos humanos vem se espalhando pelo país. A esporotricose, um tipo de micose provoca lesões sérias e potencialmente fatais quando não tratadas em tempo hábil.
A doença é causada por um fungo que vive naturalmente no solo, o Sporothrix e é transmitida a outros felinos, a cães e aos donos por meio dos arranhões.
Não se conhece a razão pela qual os gatos são tão suscetíveis ao fungo nem porque neles a doença é tão grave. Um gato com lesões pode ter o fungo em suas garras. Ao brigar com outro gato, um cão ou perseguir um rato, ele passa o fungo por meio das unhas.
Desde julho de 2013, devido ao status hiperendêmico da esporotricose no Rio de Janeiro, a doença se tornou de notificação obrigatória no estado. Apenas no INI/Fiocruz, unidade de referência no Rio de Janeiro, mais de 5 mil casos humanos e 4.703 casos felinos foram diagnosticados até 2015.
Apenas naquele ano, segundo dados da Vigilância Sanitária do município do Rio de Janeiro, foram 3.253 casos felinos. Já em 2016, verificou-se um aumento de 400% no número de animais diagnosticados. Ao todo, o órgão fez 13.536 atendimentos no ano passado – seja nos institutos públicos veterinários, em assistência domiciliar ou comunitária. Em pessoas, a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro registrou no ano passado 580 casos.
De acordo com a veterinária Isabella Dib Gremião, do Laboratório de Pesquisa Clínica em Dermatozoonoses em Animais Domésticos do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas da Fundação Oswaldo Cruz (INI/Fiocruz), no Brasil, a esporotricose humana não é uma doença de notificação compulsória e, por isso, a sua exata prevalência é desconhecida.
Gremião é a primeira autora de um trabalho que acaba de ser publicado na revistaPLOS Pathogens sobre a transmissão da esporotricose entre gatos e humanos.
As lesões em humanos e cães geralmente não são tão severas como nos felinos e não tem risco de morte. Mesmo em gatos, que são mais afetados, a doença tem cura, mas o tratamento é caro e demorado. A doença costuma se concentrar em animais da periferia, o que dificulta o tratamento devido principalmente ao custo.
O fungo presente nas lesões destrói progressivamente a epiderme, a derme, o colágeno, os músculos e até ossos. Além disso, a doença pode acometer os órgãos internos, agravando o quadro clínico.
O biólogo Anderson Rodrigues, professor da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), um dos autores do artigo, afirma que não se sabe como o fungo começou a infectar os gatos. Até o aumento no número de casos no Rio de Janeiro, a esporotricose era considerada uma doença muito esporádica.
De acordo com os pesquisadores, quando o animal chega a essas condições, é comum ele ser abandonado pelos donos. Na rua, ele continua transmitido e ao ser enterrado em um quintal ou lixão, o solo também é infectado.
Segundo a pesquisadora, além da capacidade de diagnosticar todos os casos e do acesso ao medicamento, o combate ao surto de esporotricose exige que os governos realizem campanhas educativas sobre a guarda responsável do animal.

INSCRIÇÕES ABERTAS: Concurso Público para Bombeiros Militares em Pernambuco


Seguem abertas as inscrições para o Concurso Público, em Pernambuco, que oferece 300 vagas para soldados bombeiros militares, com 5% das vagas reservadas para pessoas com deficiência. 

Os candidatos devem ter no mínimo 18 anos completos na data de ingresso e, no máximo, 28 anos na data de inscrição no concurso. A formação exigida é nível médio, e os candidatos devem possuir carteira de habilitação, no mínimo na Categoria B. Exige-se também altura mínima de 1,65m para homens, e 1,60m para mulheres. 

Seleção em duas etapas. 

A primeira etapa do Concurso Público será realizada pelo IAUPE - Instituto de Apoio à Fundação Universidade de Pernambuco. A segunda etapa será o Curso de Formação e Habilitação de Praças, que será realizada pela Secretaria de Defesa Social. Esta etapa também será eliminatória. Durante o curso de formação, os alunos receberão bolsa-auxílio no valor de R$ 970,42. Após conclusão do curso de formação, os nomeados terão remuneração de R$ 2.319,88 mensais. 

Inscrições

Os interessados devem fazer a inscrição no site do IAUPE (www.upenet.com.br), até o dia 26 de março. A taxa é de R$ 129,60. Maiores informações podem ser obtidas no edital, que também consta do site da realizadora da primeira etapa do certame.

Zé Nilton reúne foliões, empresários e políticos no desfile do Bloco do Zé

Milhares de pessoas são aguardadas domingo (12) pelas ruas do município de Limoeiro durante o sexto desfile do Bloco do Zé. Idealizada pelo ex-vereador Zé Nilton (PR), a agremiação tem na programação duas orquestras, maracatus, bonecos gigantes e representações de escolas de samba, além de dois elétricos com as bandas Leve Swing e Asas da América, que se apresenta pela primeira vez através de uma parceria firmada com a Pitú. A concentração será a partir das 10h, na Rua 18 do Bairro da Cohab Nova. O percurso contemplará a Avenida Norte, PE 50, Ponte Nova, Praça Othon Bezerra de Melo e Avenida Severino Pinheiro. 

Mantendo a tradição, haverá distribuição de batida e feijoada na concentração. Zé Nilton assegurou reforço no policiamento militar e a contração de seguranças particulares, além da instalação de banheiros químicos e posto de primeiros socorros. São aguardados empresários, deputados federais e estaduais, além de prefeitos da região que integram o grupo político do qual o ex-vereador faz parte. Nomes como Henrique Queiroz, Zé Humberto e Ricardo Teobaldo, além do recém-eleito presidente do Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados, (SINDILEITE - PE), Alex Costa, estão confirmados. (Informações e Imagem | Assessoria)

Por Alfredo Neto | Blog do Agreste

Armando consegue com ministros pernambucanos verbas para três municípios

O senador Armando Monteiro (PTB) acertou, em audiências em separado com três ministros pernambucanos - das Cidades, Bruno Araújo; da Educação, Mendonça Filho, e da Cultura, Roberto Freire – a liberação de recursos para construção de terminais rodoviários, escolas e quadras esportivas e restauração de monumentos históricos em Garanhuns e Caetés, no Agreste, e em Igarassu, na Região Metropolitana do Recife. Os três municípios são administrados pelo PTB.
 
Juntamente com o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, Armando obteve do ministro das Cidades a autorização para liberar R$ 1 milhão, a serem aplicados na reforma do terminal de passageiros da Cohab 2 e na construção do terminal de passageiros da Cohab 3. Bruno Araújo anunciou ao senador e ao prefeito que assim que for reaberto o sistema de convênios do governo federal, será também contemplado, com R$ 3 milhões, o programa de pavimentação de ruas.
 
Inauguração conjunta - O ministro da Educação combinou com Armando Monteiro que ambos irão inaugurar, daqui a dois meses, a escola de Sítio da Queimada Grande, em Caetés, que está mais de 90% construída e será concluída com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), conforme assegurou Mendonça Filho, na audiência, ao prefeito de Caetés, Armando Duarte.
 
Outras duas novas escolas de Caetés – em Sítio Várzea Suja e em Sítio do Caldeirão do Chapéu – receberão, igualmente, aportes do Ministério. A Izaías Régis, também presente na audiência, Mendonça Filho garantiu que o Ministério da Educação tem condições de construir duas novas escolas e três quadras esportivas, concluir as obras de cinco creches e adquirir dois ônibus escolares.  
 
Já o ministro da Cultura disse a Armando Monteiro e ao prefeito de Igarassu, Mário Ricardo, que o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) dará todo o apoio necessário às obras de restauração da Igreja de São Cosme e Damião, a mais antiga do Brasil, tombada pelo próprio IPHAN. O custo é baixo, segundo Mário Ricardo, da ordem de R$ 500 mil.
 
Roberto Freire sugeriu ao senador e ao prefeito de Igarassu que fossem buscados os incentivos da Lei Rouanet  para restaurar o Convento do Sagrado Coração de Jesus e construir um espaço cultural no Sítio Histórico. “O Ministério da Cultura irá olhar permanentemente Igarassu, pela sua importância artística e histórica”, asseverou Freire na audiência. 

Fotos: Ana Luisa Souza/Divulgação

Top