Limoeiro
+17...+28° C

Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5

Style2



Valor foi calculado em cima de vários índices. Trata-se de um reajuste de recuperação tarifária, que é feita de 4 em 4 anos

Publicado em 18/02/2013, às 10h55

Do JC Online

Com informações do repórter Giovanni Sandes

O consumidor pernambucano deve preparar o bolso para o reajuste da conta de água. A Agência de Regulação de Pernambuco (Arpe) homologou um reajuste de 7,98%. O valor foi publicado no Diário Oficial do Estado. Entretanto, o aumento não deve chegar a 7,98%, mas, de acordo com as primeiras contas, vai ficar acima dos 7%. O número real ainda não foi definido. O reajuste começa a valer a partir do dia 20 de março.

"Ao calcular esse reajuste, levamos em consideração os gastos da Compesa (80,79%), os aumentos com energia (19,21%), o IPCA no período entre novembro de 2011 e janeiro de 2013, que foi de 7,84%, e o IGMP do mesmo período, que foi de 8,59%", informou Hélio Lopes Carvalho, diretor de Regulação Econômico-Financeira da Arpe. Ele explica que a revisão tarifária é feita de 4 em 4 anos, diferentemente do reajuste anual. Nos anos em que há revisão tarifária, não há o aumento anual.

Esse número de 7,98% terá redução motivada pela queda de 18% anunciada pela presidente Dilma Roussef na conta de energia elétrica.

Sobre Jose Wilker

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário


Top