Limoeiro
+17...+28° C

Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5

Style2

O programa eleitoral na tevê do candidato a governador Armando Monteiro (PTB), exibido nessa segunda-feira (1º), apresenta algumas das propostas de seu futuro governo para o crescimento e expansão da atividade das micros e pequenas empresas em Pernambuco. O vídeo também mostra o trabalho desenvolvido por Armando, no Congresso Nacional, para ampliar os benefícios em favor do setor, como a instituição da Lei do Simples Nacional.

Entre as propostas, o governo Armando vai criar o Balcão do Micro, programa que vai facilitar a vida dos pequenos empreendedores que querem abrir ou fechar uma empresa. Outra proposta é a criação do Simples Estadual, para ampliar o alcance da medida no Estado, incluindo novas categorias, a exemplo do pequeno agricultor e do agricultor familiar. O candidato a governador também vai dar prioridade às micros e pequenas empresas nas compras do governo e isentar os Microempreendedores Individuais (MEI) de taxas estaduais.

O vídeo mostra que, no Congresso Nacional, Armando liderou o movimento pela criação do Estatuto da Micro e Pequena Empresa, a Lei do Simples Nacional e pela universalização do benefício, de forma a incluir categorias como escritórios de advocacia, consultórios médicos e odontológicos, corretoras de imóveis e outros prestadores de serviços.

Agora, os pequenos negócios vão pagar o imposto do ICMS menor e só depois que efetuar a venda, ao contrário do que ocorre hoje em Pernambuco, onde há a cobrança do pagamento do imposto antecipado por meio da Substituição Tributária, implantada na atual gestão.

Com a iniciativa tomada por Armando no Senado, 1,2 milhão em empreendedores de todo o País serão beneficiados com a extinção da substituição tributária. Armando Monteiro também foi o relator da lei que reduziu de 11% para 5% o INSS do MEI.

Outra ação de Armando Monteiro em favor das micros empresas é a viabilização do Moda Center de Santa Cruz do Capibaribe. O maior centro de vendas de confecções do Brasil recebeu atenção especial do petebista no Congresso, que ajudou com emendas parlamentares. À frente do SENAI Nacional, o candidato a governador realizou um amplo programa de investimentos em escolas técnicas para beneficiar o setor.

“Quando Armando Monteiro trouxe isso (o Moda Center), digo que a cidade nasceu. A confecção nasceu naquele dia”, afirmou a empresária Fátima Mestre. “Hoje, mais de 200 mil pessoas dependem do Moda Center. Nós podemos enxergar no futuro bem próximo o nosso polo se destacando em termos até nacional”, disse o empresário Cleiton Barbosa. “Esse processo que tivemos com a formalização das empresas, com o Moda Center, com a escola do SENAI, é isso que fez a região dar um salto bem maior do que era antes”, avaliou o empresário George Monteiro.

QUEM COMPARA VOTA – Além de uma série de propostas para os micros e pequenos empreendedores, o programa eleitoral também trouxe depoimentos de pernambucanos que confiam e apostam na candidatura de Armando Monteiro para o governo do Estado. “Quem compara vota em Armando. Quem compara vota em 14”, comemorou o funcionário público, Severino Pontes. “Quem compara escolhe Armando Monteiro 14”, confessou o marceneiro Carlos Melo. “Comparou, votou 14”, endossou o aposentado Jaime da Silva.

Sobre Jose Wilker

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário


Top